quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

First Date


No Café eu esperava. Sentia o nervoso típico de quem experimenta algo novo.

Saboreei meu capuccino e decidi acender um cigarro. Na verdade, eu estava morrendo de medo. Tinha dessas. Ter dezoito anos e se preocupar como se tivesse trinta. Tudo bem. Era só tirar o relógio e guardar na bolsa.

Tentei me distrair e esquecer, pelo menos por três segundos, que estava esperando alguém. Voltei meus olhos para a leitura e deixei-me envolver. Aquelas linhas estavam me entrelaçando e apertando quando de repente senti uma mão leve no meu ombro. Pensei que meu coração sairia pela boca. “Quer mais café?”.

Eu realmente não queria
mais café. Naquela altura do campeonato, café e garçonete sórdida (A pobre coitada só fazia seu trabalho! E ainda se dava ao prazer de sorrir calorosamente) não iriam ajudar.

Paguei a conta. Pensamentos negativos e insistentes alcançaram minha mente. Repetia para mim mesma, antes de virar-me para a porta e escapulir pro mundo real, que poderia me dar mais crédito não aceitando encontros relâmpago.

Quando me virei, vi aqueles olhos exatamente em cima de mim. Aqueles olhos cheios de mil desculpas, mas satisfeitos. Tão perto que podia sentir o ar ofegante do atraso. Estava de frente pra ele e não podia respirar. “Quer se sentar?”.

E eu cedi.

5 comentários:

lu disse...

Encontros relâmpagos sempre dão nervoso e creio que seja por isso que eu os detesto tanto o.o

Lucas disse...

Adoro a forma como você seleciona as palavras que escreve!

Bibian disse...

Só posso dizer que está lindo. mais do que isso, seria redundante =)

Raoni Julian disse...

realmente, a paranoia está saliente.

Death disse...

Olá, devo dizer que você escreve muito bem. Conseguiu em linhas explicitar a agonia que passamos a espera de uma pessoa de uma forma rápida e intensa, o que é bastante interessante por que para quem espera, esses momentos demoram uma vida. (rss)

Também gosto de Gaiman, e caso não tenha lido Caroline, leia. É dele também. E é maravilhoso! =D

beijos!

Paula~