quinta-feira, 9 de agosto de 2007



Dizem que cigarros dão insônia. Bem, os meus, particularmente, me ajudam a dormir.

Enquanto me arranhava com os espinhos (daquela rosa que você nunca me deu), contemplava o melhor da noite: o inicio da madrugada. Cada tragada era uma nova viagem, enquanto a coca-cola me enjoava.

As únicas luzes, tão pequenas, do meu cigarro e incenso, brilhavam intensamente. A fumaça se dissipava e eu lembrava. Enjoy the solitude, dizia para mim mesma. Enjoy the solitude.

De forma seca, eu passava mal. Pouco importava. Eu buscava pensamentos mais leves dentro da minha mente e só encontrava idéias pulverizadas. Pensei rapidamente em toda a magia daquela noite. Em como poderia funcionar. Me deu tempo suficiente para crer que dormir ia melhorar os fatos. Diminuir a pressão.

Dei a ultima tragada e conclui que amar é um problema orgânico. Eu sei disso porque dói. Quando tudo parece funcionar como um relógio suíço, uma precisão incrível, na verdade é apenas um barril de pólvora sempre pronto para ir pelos ares.

Enjoy the solitude, eu dizia para mim. Enjoy the solitude.

7 comentários:

Isa disse...

Cara, eu REALMENTE virei sua fã...
E realmente dizem que cigarro dá insônia? Pois comigo, ele também funciona ao contrário...
E como o amor é orgânico!
Concordo plenamente! :)
Beijos linda =**

Isa disse...

Cara, eu REALMENTE virei sua fã...
E realmente dizem que cigarro dá insônia? Pois comigo, ele também funciona ao contrário...
E como o amor é orgânico!
Concordo plenamente! :)
Beijos linda =**

º° Bibian °º disse...

ta, eu concordo. Ta, vc esta escrevendo cada vez melhor...

mas e ai? qual o proximo tema? Anda rpz, pensando q vida de escritor eh moleza?

"mexa esse seu trazeiro gordo!" HAHHAHAAHAHHAA

aheuaehuaehuaeuehuae

;***

Lobo Maya disse...

depois eu que estou mal...
:P
serio agora, amar e não ser correspondido é assim mesmo, eu já sofri com isso 7 vezes (acha pouca dor dividida?)
essa dor se torna orgânica da mesma forma que a sensação de prazer e amor quando estamos ficando ou namorando alguem que gostamos de verdade, uma espécie de frio na barriga, mas um pouco mais ampliada, chegando ao coração, mas quando não somos correspondidos como desejamos, ela se torna numa dor quase insuportável, a unica cura é o tempo e você fazer de tudo um pouco para ajudar com o trabalho do tempo, diminuir esse sentimento forte que está até ficar controlável ou até acabar
é isso!
escrevi esse texto pra te mostrar que você não esta sozinha nesse mundo de românticos e apaixonados sem encontrar a estrada a seguir
:) :( (não sei se isso fica sendo uma coisa boa ou ruim pra você saber)
nossa vez ainda há de chegar...
:)
beijos e te cuida

lu disse...

Enjoy the solitude...faço isso constantemente, me acostumei ^^

lucianosousa disse...

você não escreveu mau, você só fuma...
isto que lhe mata!
:~~


bah!
enfim usei meu blog para postar!
:*

leo disse...

gostei desse!!
"amar é um problema orgânico"..
gostei, gostei!
abraço e parabéns, tee.